Juventude Cruz Vermelha promove o Serviço Voluntário Europeu
20 OUT 2016

Juventude Cruz Vermelha promove o Serviço Voluntário Europeu

O Serviço Voluntário Europeu está a completar 20 anos e a Juventude Cruz Vermelha de Braga gostaria de partilhar as histórias de sucesso dos nossos voluntários com toda a comunidade.
Aproveitamos também de convidar os jovens de Braga a virem saber mais sobre o Serviço Voluntário Europeu e outras oportunidades Erasmus + nas nossas instalações, junto às residências da Universidade do Minho em Santa Tecla.

Seguem os testemunhos de 2 voluntárias, a Cátia Fernandes e a Irene Ribeiro:
"Era uma vez uma rapariga que queria fazer algo pelo Mundo, mas não encontrava espaço para o fazer porque se sentia muito pressionada pelos estudos. Um dia ela decidiu que a vida é mais do que uma pauta de notas. Foi então que a JCV apareceu no seu caminho, lhe deu a mão e a guiou a um EVS em Inglaterra. Essa rapariga hoje está a crescer; a descobrir-se; a realizar-se, tendo sempre em mente que é possível tornar o Mundo num espaço melhor, mesmo com ações pequenas. Esta é a minha história, mas pode ser a tua também." - Cátia Fernandes, 24 anos, SVE na Cruz Vermelha Britânica

"Olá a todos. Chamo-me Irene e sou uma ex-voluntária de Serviço Voluntário Europeu. Estive um total de 11 meses na Polónia a trabalhar com pessoas com deficiência. Uma experiência que me marcou definitivamente e representou um ponto de viragem na minha vida. Foi sem dúvida um projecto que terei sempre no coração juntamente com todas as pessoas com quem tive o prazer de trabalhar e conhecer. A Juventude da Cruz Vermelha (JCV) foi a minha organização de envio e sem dúvida a maior parceira que me acompanhou ao longo desse projecto. Tudo isto me levou aonde me encontro actualmente, a colaborar com a JCV na área da cooperação internacional de maneira a proporcionar mais experiências únicas e memoráveis." - Irene Ribeiro, 26 anos, SVE na Wiatrak na Polónia

Autor: JCV - Juventude Cruz Vermelha