A dupla face da pandemia

Nada existe na vida que seja só bom ou só mau, os opostos existem e aqui está um bom exemplo disso. Para além do enorme prejuízo e sofrimento físico, emocional e social a que esta inusitada pandemia nos submeteu, trouxe também um legado de novas possibilidades, competências e muitas lições valiosas.

Dirigimo-nos particularmente a ti que tiveste que enfrentar desafios que nunca te passaram pela cabeça e estás aqui, firme, com a certeza de que és capaz.

Sim, tiveste e tens medo, mas ele não te paralisou nem paralisa, pelo contrário, fez-te e faz-te seguir em frente e lutar.  Aprimoraste estratégias para, mesmo estando longe, estares mais perto.

Aprendeste a estar nas aulas à distância. Valorizaste como nunca poderias imaginar, a escola, os teus colegas e os teus professores.

Tiveste oportunidade de estares contigo próprio e de refletir. Passaste mais tempo com a tua família. Aprofundaste algumas relações e puseste um ponto final noutras.   Desenvolveste a tua capacidade de adaptação, criaste novas dinâmicas, novas rotinas que ajudaram a manteres-te saudável.

Adquiriste mais consciência da fragilidade da existência humana e do valor da vida. A solidariedade passou a ter um significado mais real e concreto.   Apercebeste-te de que são as pequenas coisas que fazem a felicidade e de que a humildade e a gratidão são ingredientes fundamentais para sermos felizes.

Aprendeste que ter de abdicar da presença, do toque, do abraço daqueles que amas para os protegeres, é a mais verdadeira e sublime forma de amar.

Levarás contigo esta experiência para um futuro mais consciente, mais justo, mais equilibrado, quem sabe até, um admirável MUNDO NOVO!

Celeste Peixoto

X